Qual é a melhor forma de adorar a Deus neste mundo?

Nessa nota de voz defendo que o catolicismo é a forma de culto mais perfeita, aquela que melhor se ajusta à verdade.

 

Observações:

  1. “Essas coisas”: o culto a Virgem Maria, aos santos, relíquias, imagens sagradas etc.
  2. Errata: Papa Gregório Magno viveu do ano 540 a 604, portanto, de meados do sexto século até o quarto ano do sétimo.
  3. O nominalismo enquanto sistema teológico afirma que Deus pode mudar as coisas quando e como ele quiser, ainda que pareça-nos absurdo. Deus poderia, por exemplo, tornar o adultério legítimo, ou enganar os sentidos humanos com imagens fantasiosas. Em suma, afirma-se que há um abismo entre a mente de Deus e a mente humana. Por outro lado, São Tomás e os tomistas defendem que a inteligência humana participa da inteligência divina e que Deus faz tudo de acordo com a Sabedoria. O Pai todo-poderoso fez todas as coisas pelo Filho que é o Logos, a razão, o sentido, a ordem, o significado das coisas. Esse Logos está no mundo como um espelho que reflete a Segunda Pessoa da Santíssima Trindade, o Filho de Deus. Deus não pode, portanto, fazer nada que ofenda a razão humana, a qual possui semelhança com a Razão Divina, se isso fosse possível, então Deus não seria Deus, Deus teria defeitos que um homem sábio não teria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s